Duas Histórias e uma só lição


Erra faz parte, o que fazemos com os erros é que nos diferencia.




1

Sou mentor de uma loja de Roupas Infantis Novas e Seminovas, chamada Mangalima, que o Gabriel é proprietário, em certa ocasião resolvi fazer alguns anúncios dos produtos no Google e coloquei como palavra chave de pesquisa o termo: “Seminovo”, sendo que me esqueci de negativar a palavra carros, resultado: Recebemos centenas de ligações de pessoas interessadas em comprar carros!


O Gabriel me mandou mensagem desesperado: Evandro, o telefone não para de tocar todo mundo querendo carros seminovos, o que está acontecendo?



Evandro, o telefone não para de tocar todo mundo querendo carros seminovos, o que está acontecendo?


Naturalmente, eu negativei a palavra e tudo se resolveu, fato é que gastei 20 reais e recebi centenas de ligações de interessados em carros seminovos.

Isso ocorre quando se erra o público comprador, mas ficou a lição: Eu sei vender carros seminovos agora :)


Quando se vai fazer uma campanha é preciso conhecer bem as ferramentas e o público que se deseja atingir, para não ocorrer erros , mas caso erre, tire a melhor lição disto.


2


Semana passada, resolvi vender meu carro, fiz um anúncio e vendi em 8 horas, a noite já havia entregado as chaves ao novo proprietário. Incrível o poder dos anúncios!

Como eu achava que ia levar mais tempo para vender, não me programei direito para comprar outro. Eu acreditava que ia levar uma semana para ser vendido.

O carro anterior estava pequeno pra mim, porque eu precisava de espaço para colocar mercadorias, volta e meia eu fecho compras de estoques parados de lojistas ou outras oportunidades que surgem e que com espaço no carro já facilita muito, eu tinha em mente que desejava uma Strada.



Fiz um anúncio e vendi em 8 horas


Como tinha vendido o meu carro, resolvi visitar os revendedores de carros o quanto antes, e na região de minha casa tem alguns.


Fui até o que eu considerava o maior, deduzindo que encontraria a Strada que eu queria.

Ao chegar fui atendido por um senhor que estava lendo o jornal, não se levantou, colocou a máscara as pressas e perguntou o que eu procurava.


Respondi que era uma Strada, ele resmungou algo e disse:


Nesta época está em falta, tudo isto culpa da pandemia que fez com que as pessoas quisesse este tipo de carro para fazer fretes e entregas, então supervalorizou e deixou o mercado em falta.

Dito isto, ele apenas voltou a folhear o jornal.


Eu agradeci e fui para minha casa, chegando lá, acessei um site que reúne vários revendedores de carros da cidade, escolhi um carro que gostei muito, não era a Strada, mas estava praticamente novo.


Um preço abaixo do valor real, carro de um único dono, que estava vendendo porque trabalhava em uma fábrica e conseguia comprar com preço reduzido.

Fiz um ótimo negócio, é meu atual carro, foi a melhor coisa que poderia ter me ocorrido que é não ter sido bem atendido no primeiro local. Agora o vendedor que não me deu muito atenção perdeu uma venda fácil, porque eu estava no momento da compra, era só ter ofertado um carro com valor agregado melhor!


Aqui temos duas lições:


A primeira é que quando não se fazer publicidade para o público certo se perde dinheiro, mas errar nos ensina sempre lições valiosas. Tire sempre proveito e lições dos seus erros.

A Segunda é que venda não é só o que o cliente procura. Como vendedor, temos que identificar o desejo do cliente.


Errar nos ensina sempre lições valiosas


Eu queria um carro com espaço. Não precisava de uma Pick Up, poderia ser um carro com bagageiro grande, uma simples pergunta do vendedor teria mostrado a ele que outro carro serviria para o proposito e teria me ofertado um carro melhor, mais barato e com clara vantagem entre ele a Pick Up, mas o vendedor preferiu o jornal, perdeu a venda.

Claro que este tipo de vendedor está com os dias contados, isto porque a venda on-line cresce monstruosamente e as técnicas de vendas e desejos dos clientes mudaram.

Estamos cada dia mais exigentes com os atendimentos e a cada dia temos mais acesso a informações e produtos, além das vantagens.

Temos que nos adaptar aos novos tempos, mas o se você é empreendedor, dono de um negócio: Treine sua equipe de vendas! O comercial da empresa é o pulmão do seu negócio, se a equipe não estiver alinhada em um único propósito que é a excelência em vendas, certamente sua empresa está deficiente.

Amigo vendedor, esperar sentado pelo cliente é coisa do passado.


Como costumo dizer: A Fé sem Obra é Morta





Eu sou Evandro Mangueira e amo Pequenas Empresas e Empreendedores!

Vamos juntos crescer!


Um Grande Abraço.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo